Bugre volta a vencer na Série C. Ouça os gols!

Jogando no estádio Centenário, em Caxias do Sul, o Guarani voltou a vencer na Série C ao derrotar o Caxias por 2 a 0, pela nona rodada da Série C do Brasileirão. Os gols do Bugre foram marcados por Diego Clementino e Anderson Cavalo.

O resultado deixou o Bugre na sexta posição do Grupo B com 11 pontos. O próximo desafio será domingo, contra o Guaratinguetá, em Campinas.

A Rádio Central transmitiu a partida com a narração de Roger Willians. Ouça os gols da vitória bugrina:


Caxias 0x1 Guarani - Diego Clementino



Caxias 0x2 Guarani - Anderson Cavalo

Guarani fica no empate com Brasil de Pelotas. Ouça os gols!

O Guarani se distanciou na briga por uma das quatro vagas do Grupo da Série C do Brasileirão. O Bugre recebeu o líder Brasil de Pelotas, no estádio Brinco de Ouro, no encerramento da oitava rodada da competição, e não saiu do empate por 2 a 2.  Os gols do Bugre foram marcados por Clementino e Fumagalli; Leandrão, atacante do Brasil, marcou duas vezes para o time visitante.

Com o resultado, o Guarani chegou aos oito pontos e estacionou na oitava colocação – seis de diferença para o Juventude, quarto colocado. No próximo sábado, o time viaja para Caxias do Sul, onde enfrenta o Caxias, no estádio Centenário, no encerramento do primeiro turno.

A Rádio Central transmitiu a partida com Alberto César, o Locutor Emoção. Ouça os gols do jogo:

Guarani 1x0 Brasil de Pelotas - Clementino


Guarani 1x1 Brasil de Pelotas - Leandrão


Guarani 2x1 Brasil de Pelotas - Fumagalli


Guarani 2x2 Brasil de Pelotas - Leandrão


Ponte Preta empata com Joinville. Ouça os gols!

A Ponte Preta visitou o Joinville, no último domingo, pelo Campeonato Brasileiro, e ficou no empate em 1 a 1. A Macaca saiu atrás no placar, inclusive, mas conseguiu o empate no segundo tempo.

Com o resultado, a Ponte permanece na 11ª posição com 18 pontos. Na próxima rodada, o time do técnico Guto Ferreira recebe o Internacional, no Moisés Lucarelli, domingo, 16 horas.

A Central transmitiu o empate da Macaca com o JEC. Ouça os gols na narração vibrante de Roger Willians:



Joinville 1x0 Ponte Preta - Silvinho


Joinville 1x1 Ponte Preta - Fernando Bob

[ HOMENAGEM ] - 45 ANOS DE CARREIRA DE ALBERTO CÉSAR

No último domingo o narrador Alberto César, da Rádio Central, comemorou 45 anos de carreira. O "Locutor Emoção" emocionou diversas gerações de ouvintes e criou uma legião de fãs nos últimos 45 anos. Para tanto, a Equipe Campeã da Central fez uma homenagem para comemorar essa data tão especial. Ouça abaixo:

Guarani tem pior começo na Série C

Para chegar às quartas de final da Série C do Campeonato Brasileiro, o Guarani terá de quebrar tabus e garantir um aproveitamento de campeão. Por enquanto, o time tem sete pontos, e para cumprir o seu objetivo terá de somar pelo menos 19 dos 33 pontos que irá disputar até o final da fase classificatória, o que corresponde a um aproveitamento de 57,57%. No ano passado, o Macaé foi o quarto colocado, com 26 pontos, e garantiu a vaga para a próxima fase.

Existe, no entanto, um fator desmotivante. A atual campanha é a pior desde que o Bugre passou a disputar a Série C, em 2013. Naquela edição, sob o comando do técnico Tarcisio Pugliese, a equipe era a líder após sete rodadas, com 15 pontos, um à frente do Vila Nova. Após 18 rodadas, porém, a equipe terminou na sexta posição, com 24 pontos.

No ano seguinte, o time começou sob o comando de Evaristo Piza e, após sete rodadas, tinha nove pontos e estava na sétima posição. Ao final, o Alviverde repetiu os 24 pontos de 2013 e manteve o sétimo lugar.

No retrospecto do desempenho bugrino nas 11 rodadas restantes, as notícias também não são boas. Em 2013, em 11 jogos, o Guarani venceu só uma vez, empatou seis e teve quatro derrotas, em um aproveitamento de 27,27%. No ano seguinte, com a mudança de comissão técnica e com as entradas de Vagner Benazzi e depois de Marcelo Veiga, o Guarani somou 15 dos 33 pontos em disputa.

Atlético-PR libera dois jogadores para Ponte Preta

Os meias Bady e Felipe foram emprestados pelo Atlético Paranaense para a Ponte Preta. Felipe foi contratado pelo Furacão em 2015 para ser titular, mas perdeu espaço com as chegadas de Ytalo e Giovanni. Bady foi titular em 2014 e começou bem o ano, com boas atuações na pré-temporada na Espanha. No entanto, teve desempenho pífio no Campeonato Paranaense e na Copa do Brasil.

Em 2015, Felipe atuou em 15 jogos em 2015 (12 como titular). Marcou quatro gols e fez duas assistências. Bady jogou 11 partidas (9 como titular), não marcou gols e fez duas assistências. Bady chega à Ponte, assim como Felipe, como aposta para a vaga deixada por Renato Cajá. O ex-camisa 10 assinou a rescisão com a Macaca na última segunda-feira e embarcou para os Emirados Árabes, onde defenderá o Sharjah FC. A equipe árabe é dirigida pelo brasileiro Paulo Bonamigo e tem no elenco nomes como o zagueiro Maurício Ramos, o meia Léo Lima e o atacante Wanderley.

Brasil ocupa o sexto lugar no quadro de medalhas do Pan

O Brasil caiu, ontem, 13, para sexto lugar no quadro geral de medalhas dos Jogos Pan-Americanos de Toronto, no Canadá. Mesmo tendo conquistado mais duas medalhas de ouro, duas de prata e sete de bronze, o país está atrás de Colômbia e México, que ocupam a quarta e quinta posições, respectivamente. Canadá, Estados Unidos e Cuba lideram ocupando as três primeiras colocações na competição.

Os dois novos ouros brasileiros vieram das vitórias de Thiago Camilo, do judô na categoria até 90 quilos (kg), e de Isaquias Queiroz, na canoagem velocidade. As pratas foram alcançadas pela dupla Ingrid de Oliveira e Giovanna Pedroso nos saltos ornamentais sincronizados na plataforma de 10 metros, e pela dupla Isaquías Queiroz e Erlon Silva, também na canoagem velocidade. A modalidade fez ainda dois bronzes, vindos de Ana Paula Vergutz e da dupla Celso Oliveira Junior e Vagner Junior Souto.

Os outros cinco bronzes foram conquistados por Maria de Lourdes Portela, do judô, na categoria até 70 kg; Mariana dos Santos Silva, também do judô, na categoria até 63 kg; Vitor Penalber, ainda do judô, na categoria até 81 kg; Bruna Luana Nascimento Piloto, no levantamento de peso, categoria até 63 kg, e Flávia Saraiva, na ginástica artística.

O bronze de Flávia Saraiva teve um brilho especial. A ginasta, de 15 anos – a atleta mais jovem da delegação brasileira – disputou na prova individual em todos os aparelhos e encantou as cerca de 5 mil pessoas presentes no Ginásio Toronto Coliseum. Em várias de suas evoluções nas barras assimétricas, no cavalo, e mesmo na trave, onde teve um rápido desequilíbrio, a platéia aplaudiu a atleta. Mas foi no solo que Flávia conquistou o público, esbanjando graça nos movimentos e simpatia no sorriso largo. À medida que desenvolvia sua rotina sobre o tablado, os espectadores acompanhavam o ritmo da música tema com palmas.

((COMPACTO)) - PORTUGUESA 1 x 0 GUARANI

Pela sétima rodada do primeiro turno da Série C do Campeonato Brasileiro, Portuguesa e Guarani se enfrentaram, em duelo disputado nesta noite de domingo. O resultado foi de triunfo da Lusa por 1 a 0.

O único gol da partida foi anotado ainda na primeira etapa. Aos 30 minutos de jogo, Hugo deixou sua marca e decretou o triunfo lusitano no clássico paulista da Terceirona.

Com a vitória no Canindé, a Portuguesa termina a rodada com 10 pontos, na quinta posição. O Guarani, por sua vez, termina em sétimo, com sete pontos.

A Rádio Central transmitiu a partida com a narração de Alberto César. Ouça o compacto do jogo:

Renato Cajá confirma adeus

Além da derrota de 2 a 0 para o Atlético-MG, em pleno Moisés Lucarelli, a Ponte Preta teve mais uma má notícia após o seu compromisso válido pela 13ª rodada do Campeonato Brasileiro. Em entrevista concedida ainda dentro do gramado, o meia Renato Cajá confirmou que estava realizando o seu último jogo pela Macaca.

"Meu último jogo. Infelizmente saio com derrota, segue a vida. Ponte está firme, com certeza vai fazer grande trabalho. Estou feliz, passei quatro vezes aqui, é sempre assim, amor e ódio, sai vaiado, ovacionado, vamos seguir em frente", confirmou o camisa 10, que defenderá o Al-Ittihad, dos Emirados Árabes, no microfone da Rádio Central.

Com a saída de Cajá, a Ponte já confirmou o substituto para o meio-campo. Sem espaço no Atlético Paranense, o meia Felipe acertou  a sua ida para a Macaca. O atleta de 25 anos vai assinar contrato de empréstimo com o time campineiro até o final do ano e se juntará ao elenco do técnico Guto Ferreira assim que for aprovado nos exames médicos.

((COMPACTO)) PONTE PRETA 0 x 2 ATLÉTICO MINEIRO

O Atlético continua firme na liderança do Campeonato Brasileiro. No último sábado, no Moisés Lucarelli, em Campinas, o Galo chegou aos 29 pontos com uma vitória de 2 a 0 sobre a Ponte Preta pela 13ª rodada da competição.

Por outro lado, a Macaca, que já esteve no G-4, comprovou estar vivendo um momento complicado e, somando 17 pontos, ocupa o 10º lugar na classificação. Os gols da partida foram marcados por Thiago Ribeiro e Giovanni Augusto.

Na próxima rodada, a Ponte Preta enfrenta o Joinville, fora de casa, no domingo.


Juíza anula o leilão do Brinco de Ouro

A juíza Ana Cláudia Torres Vianna decidiu nesta terça-feira pela anulação do leilão do Estádio Brinco de Ouro. Liberada para tomar uma decisão final sobre o caso depois de tentativa de afastamento do Ministério Público do Trabalho, a magistrada cancelou a hasta pública vencida pela Maxion Empreendimentos Imobiliários, em 30 de março. As principais justificativas são o valor bem abaixo da avaliação do mercado e a falta de abertura de lances para outras empresas.
Com isso, a magistrada automaticamente aceita a proposta feita pela Magnum, de Roberto Graziano. O empresário fica responsável, a partir do pagamento de R$ 105 milhões combinados em audiência pública, por todas as dívidas trabalhistas e também o patrimônio. O grupo, agora, negociará com o Guarani como vai aproveitar o terreno do Brinco de Ouro. A intenção é levantar um empreendimento comercial, enquanto o clube ganhará uma arena.
A decisão divulgada nesta tarde satisfaz a vontade de Guarani e credores, duas das partes mais interessadas no processo, mas desagrada a Maxion, que a princípio deve recorrer em segunda instância para recuperar poderes sobre o Brinco de Ouro. Até segunda ordem, o clube ganha um parceiro, que investirá mensalmente R$ 350 mil no futebol pelo período de dez anos e ajudará na construção de uma nova arena, com capacidade para 12 mil pessoas,, além de um centro de treinamento e uma sede social. Enquanto isso, os credores receberão tudo que o clube lhes deve à vista, e não em parcelas, como pretendiam os gaúchos.
- Com essa decisão tenho a sincera intenção de ver os trabalhadores receberem os seus direitos, de forma mais rápida possível e igualmente encontrar uma maneira em que o Guarani Futebol Clube, uma associação dita sem fins lucrativos, possa preservar a sua existência, sua  história e reencontrar um caminho de existência jurídica e econômica que, de uma vez por todas, não passe pelos erros do passado e permita à comunidade campineira ter, principalmente os mais jovens, orgulho de uma de suas mais importantes instituições - afirmou a magistrada.
A justificativa da juíza foi que a proposta dos investidores gaúchos foi "extemporânea", ou seja, fora do prazo. Por isso, não poderia ser aceita. Ana Cláudia Torres Vianna julgou como procedentes os embargos feitos por Guarani e Magnum, que enumeraram alguns problemas durante o processo.
Com isso deixou a empresa responsável por quitar todas as dívidas que o clube tem na esfera trabalhista, bem como negociar um contrato de parceria com o clube, acertar a demolição do Brinco de Ouro e a construção de empreendimento comercial (com shopping, hotel e centro de convenções), além do levantamento de uma nova arena.
O processo, porém, tem tudo para continuar nas próximas semanas. O Grupo Zaffari, do qual a Maxion faz parte, não aceitará a perda judicial facilmente. Segundo decisão da juíza, os investidores serão ressarcidos por tudo que foi pago até aqui. No entanto, a empresa estuda entrar com recursos em segunda instância, a fim de recuperar o direito de arrematante. A intenção é seguir na briga até o Supremo Tribunal Federal (STF) se for rpeciso. A própria magistrada prevê isso, durante a longa explanação divulgada nesta terça-feira.
Os próximos passos do processo acontecerão naturalmente. Com o cancelamento (ao menos temporariamente) do leilão, o Guarani comemora a possibilidade de pagar todas as dívidas trabalhistas - credores com valores até R$ 100 mil receberão 100% da ação, enquanto quantias maiores serão quitadas em 90% - e acertar a vida financeira atual. A Magnum fará aportes mensais de R$ 350 mil para pagamento de folha salarial. A diretoria também sonha em investir mais no futebol para brigar pelo acesso à Série B do Campeonato Brasileiro.

((COMPACTO)) - PONTE PRETA 0 x 2 PALMEIRAS

Mesmo como visitante, o Palmeiras parecia jogar no Allianz Park. Isso porque a Ponte Preta vendeu o mando de campo por R$ 1 milhão, e a partida na Arena Pantanal, em Cuiabá, acabou 2 a 0 para o clube alviverde. As estrelas do duelo foram Dudu, autor dos dois gols, e Rafael Marques, responsável pelas duas assistências.

O torcedor palmeirense, que foi maioria no estádio que recebeu jogos da Copa do Mundo de 2014, é só alegrias. Com o triunfo na 11ª rodada, a equipe chegou à terceira vitória consecutiva no Campeonato Brasileiro. Bateu o São Paulo por 4 a 0 no clássico, depois triunfou contra a Chapecoense por 2 a 0 e agora fez da Ponte a nova vítima.

Já a Macaca, que teve as ausências de Renato Cajá e Fernando Bob, suspensos, Ponte estacionou nos 16 pontos, na 10ª colocação.

Ouça os melhores momentos do jogo na narração de Alberto César:


((COMPACTO)) - GUARANI 0 x 0 MADUREIRA

No último domingo, jogando no Brinco de Ouro diante de 3 mil torcedores, o Guarani ficou no empate sem gols contra o Madureira, em partida válida pela sexta rodada da Série C do Brasileirão.

Com o empate sem gols em casa, o Bugre perde a chance de se aproximar mais do G-4 e com sete pontos ganhos no meio da tabela. Na próxima rodada, o Guarani viajará até a capital paulista para encarar a Portuguesa.



Chile conquista Copa América

No último sábado, o Estádio Nacional de Santiago, no Chile, recebeu a grande final da Copa América de 2015. A Seleção Chilena recebeu a Argentina pela grande decisão da competição, e em com a casa completamente lotada, sagrou-se campeã pela primeira vez na sua história após cobranças de penalidades.

Durante o tempo normal, os chilenos foram melhores em campo. Com mais posse de bola, dominaram as ações no meio-campo e chegavam com mais perigo ao gol defendido por Sergio Romero. A primeira etapa foi um pouco mais equilibrada, mas do segundo tempo em diante o Chile foi superior e não marcou gols por incompetência de seus atacantes.

Entretanto, foi da Argentina a grande chance de definir a partida ainda no tempo normal. Aos 47 minutos do segundo tempo, no último lance, Messi puxou contra-golpe e armou para Lavezzi no lado esquerdo. O atacante do Paris Saint-Germain achou Higuaín dentro da área, mas o camisa 9 não conseguiu chegar a tempo para concluir e perdeu a chance de garantir o título para a Argentina.

Desta forma, a partida seguiu para a prorrogação. Nos 30 minutos finais, novamente os chilenos foram superiores, teve grande chance com Alexis Sánchez, mas que também não soube aproveitar. Com isso, o jogo foi para os pênaltis, e nas cobranças de tiro livre, os chilenos marcaram quatro vezes, com gol final de Sánchez, enquanto a Argentina anotou apenas um com Messi. Higuaín e Banega perderam suas cobranças.

Corinthians e Ponte duelam de olho no G4; Rádio Central transmite

Corinthians e Ponte Preta se enfrentam nesta quinta-feira, na Arena Corinthians, em partida que pode valer uma vaga no G4 do Brasileirão. Os times estão empatados com 16 pontos após nove rodadas do Campeonato Brasileiro, sendo que o Timão leva vantagem apenas no número de vitórias.

Acostumado a dar trabalho para o Corinthians, o técnico Guto Ferreira completará cem jogos hoje no comando da Ponte Preta. Nestes 99 jogos, Guto obteve 50 vitórias, 25 empates, e 24 derrotas e caminha para ser o 10 técnico que mais comandou a Macaca, ultrapassando Carbone, que tem 102.

Guto, elogiado ontem por Tite, costuma dar trabalho ao Timão. Em 2014, ele era o treinador do Figueirense, que estragou a festa de inauguração da Arena. Já neste ano, com a Macaca, ele quase eliminou o Corinthians nas quartas do Paulistão.

A Rádio Central transmite a partida, 19h30, com a narração de Alberto César.

FICHA TÉCNICA:
CORINTHIANS X PONTE PRETA

Data/Hora: 2/6, às 19h30
Árbitro: Thiago Duarte Peixoto (SP)
Auxiliares: Alex Ang Ribeiro e Miguel Caetano Ribeiro da Costa

CORINTHIANS: Cássio, Fagner, Felipe, Gil e Uendel; Bruno Henrique, Elias, Renato Augusto, Jadson e Malcom; Vagner Love. Técnico: Tite.
PONTE PRETA: Marcelo Lomba, Rodinei, Tiago Alves, Pablo e Gilson; Fernando Bob, Josimar e Renato Cajá; Felipe Azevedo, Biro Biro e Diego Queiroz. Técnico: Guto Ferreira.

Copa América: Chile vence Peru e vai à final

O sonho vive. No sábado, o Chile poderá, enfim, conquistar pela primeira vez a Copa América, e justamente diante dos seus torcedores. Na noite desta segunda-feira, a equipe comandada por Jorge Sampaoli contou com uma atuação inspirada do atacante Eduardo Vargas, ex-Grêmio e agora artilheiro da competição com quatro gols, para derrotar o rival Peru pelo placar de 2 a 1, no Estádio Nacional de Santiago, e avançar à decisão do torneio.

Os dois tentos de Vargas garantiram o Chile pela primeira vez na decisão em quase 30 anos. A última vez que os chilenos estiveram na disputa pelo título foi em 1987, quando a Roja perdeu para o Uruguai, o maior campeão da história da Copa América com 15 taças obtidas.

Agora, mais próximo do sonho, o Chile já pensa no sábado. A partir das 17h (de Brasília), Sampaoli e os seus comandados jogarão 90 minutos por um sonho. O adversário sai nesta terça-feira, quando Argentina e Peru decidem, a partir das 20h30, o outro finalista da Copa América 2015.

Mogi Mirim anuncia troca de treinadores

Lanterna da Série B com apenas três pontos, o Mogi Mirim demitiu o técnico Ailton Silva. Uma série de maus resultados na Série B – quatro derrotas nos últimos cinco jogos – obrigou o presidente do clube Rivaldo Ferreira a optar pela mudança de comando.

Por meio de seu perfil oficial no Instagram, Rivaldo confirmou a contratação de Sérgio Guedes como substituto. "Hoje anunciei a saída do Ailton Silva como treinador do Mogi Mirim, que na minha opinião não teve culpa, mas futebol é resultado. Para o seu lugar, contratei o Sergio Guedes, que é um grande treinador, com experiência e acredito que com o empenho de todos os jogadores, o Mogi Mirim vai sair dessa situação. Em minha vida já passei por muitos momentos difíceis e Deus sempre me abençoou. Deus é fiel (sic)", publicou o pentacampeão mundial com a equipe verde-amarela, em 2002.

O próximo compromisso do Sapão na Série B é neste sábado, às 21h, contra o América-MG, em Belo Horizonte.

((COMPACTO)) - PONTE PRETA 2 x 1 ATLÉTICO-PR

A Ponte Preta encarou o Atlético Paranaense na tarde do último domingo, no estádio Moisés Lucarelli, e conquistou uma importante vitória pelo placar de 2 a 1. Os gols foram marcados por Renato Cajá e Felipe Azevedo, enquanto Nikão marcou para o time visitante.

Com o resultado, a Macaca chegou a 16 pontos ganhos e fica na 8º colocação na tabela.

Agora, o próximo compromisso alvinegro será na quinta-feira contra o Corinthians, às 19h30, na Arena Corinthians, em Itaquera, em partida válida pela décima rodada do Campeonato Brasileiro da Série A.

Ouça os melhores momentos da vitória da Macaca-tômica com a narração de Alberto César:




((COMPACTO)) - TOMBENSE 1 x 2 GUARANI

No último sábado, jogando pela manhã, o Guarani venceu a sua primeira partida na Série C do Brasileirão ao derrotar o Tombense por 2 a 1, fora de casa, em jogo válido pela quinta rodada da competição.

O primeiro gol da partida saiu aos 25 minutos do primeiro tempo. Após cobrança de escanteio de Fumagalli, o atacante Adeilson desviou contra o seu próprio gol e abriu o placar para o Bugre. Já no segundo tempo, Lenon deixou sua marca e ampliou a vantagem da equipe alviverde. Adeilson se redimiu do gol contra e marcou o gol de honra do Tombense aos 30 minutos da segunda etapa.

A vitória eleva o Guarani ao sexto lugar do grupo B, com seis pontos em cinco jogos . O Tombense perde uma posição e agora é o sétimo colocado, com quatro pontos conquistados.

A Rádio Central transmitiu a partida com a narração de Marcelo Corsato. Ouça os melhores momentos da partida:


Brasil cai para Paraguai na Copa América

De novo, o Paraguai. A história de 2011 se repetiu e, nos pênaltis, a Seleção Brasileira está eliminada pelos paraguaios nas quartas de final da Copa América. Desta vez, o tempo normal terminou empatado em 1 a 1 — Robinho abriu o placar ainda no primeiro tempo, mas Derlis González empatou o duelo, de pênalti, na etapa final — e, nas penalidades, o Paraguai venceu por 4 a 3 em Concepción.

O Paraguai venceu apenas um dos últimos 10 jogos na Copa América. Mesmo assim, foi finalista em 2011 e chega à semifinal em 2015 — na próxima fase, enfrenta a Argentina de Lionel Messi, que também precisou dos pênaltis para eliminar a Colômbia.

Com a eliminação na Copa América, o Brasil está fora da Copa das Confederações de 2017, na Rússia — já que apenas os campeões continentais, o atual campeão do mundo e o país-sede disputam a competição.

((COMPACTO)) - PONTE PRETA 1 x 0 SÃO PAULO

Jogando em um Moisés Lucarelli sem seu tradicional público, a Ponte Preta recebeu e venceu o São Paulo pelo placar de 1 a 0, com um belo gol de Renato Cajá ainda no primeiro tempo, em duelo válido pela segunda rodada do Campeonato Brasileiro.

Com o resultado positivo, a Macaca subiu na tabela e assumiu a quinta colocação com quatro pontos conquistados. Já o Tricolor entrou em ressaca com a eliminação nas oitavas de final da Copa Libertadores, e agora ocupa a décima colocação da tabela ainda com seus três pontos marcados.

Pela terceira rodada da competição nacional. O São Paulo recebe o Joinville, no Morumbi, no início da noite do próximo sábado (23), às 18h30 (de Brasília). Já a Ponte joga no dia seguinte ao visitar o atual lanterna Cruzeiro, no Mineirão, às 18h30 (de Brasília).

A Rádio Central transmitiu a partida com a narração de Roger Willians. Ouça os melhores momentos do jogo: